Archive for outubro, 2007

Trabalho voluntário em Sete de Abril

O abrigo São Geraldo, localizado em Sete de Abril, funciona como uma espécie de lar substituto, oferecendo às crianças e aos jovens moradias chamadas de casa lar. No terreno do abrigo existem quatro casas que abrigam no máximo 10 crianças por unidade, cada uma com uma sala, dois ou três quartos, dois ou três banheiros e uma cozinha. Cada casa é administrada por duas educadoras.

Durante o dia as crianças freqüentam escolas, quase todas particulares, financiadas pela instituição, no turno oposto praticam atividades esportivas e culturais nas áreas de lazer existentes no abrigo.  O Instituto São Geraldo possui nove voluntários, não apenas de fora, mas há pessoas que cresceram na instituição e permanecem trabalhando pela causa, a solidariedade.

É o caso de Joel Souza vindo de Guarulhos (SP) para o lar São Geraldo aos 11 anos. Hoje, com 30 anos, é vice-diretor do instituto e considera importante a continuação do trabalho voluntário.

Outro exemplo de trabalho solidário é da Irmã Maurina Andrade, membro da Congregação Irmãs Medianeiras da Paz, que em 1988 veio de Jequié para Salvador para trabalhar em uma creche que não funcionou. Logo após, foi convidada a trabalhar no Instituto São Geraldo. “É muito importante poder se doar para ajudar os outros” disse Irmã Maurina, que trabalha na administração da instituição e a noite assume a responsabilidade da casa lar.

Anúncios